quinta-feira, 18 de outubro de 2018

Mulheres que sofreram assédio ou abuso sexual têm mais chances de desenvolver doenças



Mulheres que sofreram assédio ou abuso sexual têm mais chances de desenvolver doenças
Estudo aponta relação entre as agressões e o desenvolvimento das patologias
De acordo com a publicação científica Jama Internal Medicine, publicada no início de outubro nos Estados Unidos, mulheres que sofreram agressão sexual ou abuso têm três vezes mais probabilidade de desenvolver depressão e duas vezes mais chances de apresentar ansiedade do que mulheres sem histórico de trauma sexual. Aquelas que sofreram ataques sexuais ou assédio ficaram duas vezes mais propensas a ter insônia.

O estudo incluiu 304 mulheres não fumantes com idade entre 40 e 60 anos. O levantamento apontou que 19% das mulheres relataram já ter sofrido assédio sexual, 22% afirmaram ter passado por agressão sexual em algum momento da vida e 10% disseram que passaram por ambas as situações.
“Como o assédio ou o abuso sexual interferem diretamente nas áreas emocionais do cérebro, as mulheres podem sofrer consequências desastrosas que incluem também o transtorno de estresse pós-traumático, além de absenteísmo no trabalho, dores somáticas, fobia social, perda de confiança em si e transtorno obsessivo compulsivo (TOC)”, explica o professor e psicólogo do Centro Universitário Internacional Uninter, Ivo Carraro.
Já as mulheres que relataram ter sofrido assédio sexual no local de trabalho apresentaram pressão arterial alta, situação que poderia colocá-las em risco, pois problemas com pressão arterial elevada podem causar Acidente Vascular Cerebral (AVC) como Isquemia ou Aneurisma Cerebral, doenças renais e ataques cardíacos. Segundo Carraro, as vítimas precisam procurar ajuda profissional para superar as pressões psicológicas. “Elas precisam criar uma realidade psíquica vencedora em situações ameaçadoras, bem como esquivar-se do efeito perturbador causado pelo assédio sexual sofrido no ambiente de trabalho”, recomenda o psicólogo.

Juíza condena distribuidora de petróleo que instituiu troféu(BUNDÃO) pejorativo pelo não cumprimento de metas





Uma distribuidora de petróleo e derivados instituiu um prêmio pejorativo para gerentes que não atingissem a meta. Por esse motivo, acabou sendo condenada a pagar R$ 8 mil de indenização por danos morais a um ex-empregado que se insurgiu contra a conduta na Justiça do Trabalho. A decisão é da juíza Silene Cunha de Oliveira, titular da 5ª Vara do Trabalho de Betim.

Segundo o trabalhador, o chamado “troféu bundão” era concedido a gerentes que não atingissem a meta. Já a empresa sustentou em sua defesa que se tratava apenas de uma "brincadeira" que não passou dos limites da diretoria. Nesse sentido, argumentou que a fotografia anexada a uma mensagem se referia a terceiro, tanto que o autor da reclamação teria perguntado quem era a pessoa, que ele não identificou na foto.

Ao analisar a prova testemunhal, a julgadora se convenceu de que a empresa se utilizava do troféu com regularidade para ridicularizar os gerentes. Uma testemunha contou que o trabalhador mostrou a ela várias conversas que teve com um superior hierárquico pelo aplicativo WhatsApp. O chefe enviou uma foto com um termo pejorativo de baixo calão atribuído ao empregado. Era um suposto troféu por não ter batido uma meta, juntamente com sua equipe. Na mesma direção, outra testemunha disse que nas reuniões havia um troféu para quem não conseguisse atingir as metas, o chamado “troféu bundão”, recebido por ela e pelo reclamante.

A magistrada repudiou totalmente a conduta dos representantes da empresa: “Todos merecem tratamento digno, indiferente da produtividade, do atingimento das metas ou não”. Conforme ponderou, o gerente sofria dois constrangimentos, pois, além de não atingir a meta, sabia que, na reunião de gerentes, seria submetido a situação vexatória e humilhante e que ganharia o troféu pejorativo. Para a juíza, ficou claro que a empresa tinha plena ciência do que ocorria, pois era uma reunião de gerentes com os diretores. Ela observou que a empregadora não tomou providências para coibir a conduta, que não tem caráter de "brincadeira". Avaliou que foi mais fácil para a empresa ser conivente do que repreender.

Princípios constitucionais violados - Segundo destacou a julgadora, o tratamento desrespeitoso dispensado ao trabalhador viola os princípios constitucionais da dignidade da pessoa humana e do valor social do trabalho (art. 1º, incisos III e IV, da Constituição Federal). Além disso, ofende sua personalidade, conduta que configura o abuso de direito, nos termos do artigo 187 do Código Civil.

A juíza chamou a atenção para o fato de a Constituição de 1988, em seu artigo 5º, incisos V e X, assegurar o direito à indenização em caso de dano material, moral ou à imagem e violação à intimidade, à vida privada, à honra das pessoas. No caso, ela identificou a presença dos requisitos necessários à configuração do dever de indenizar: conduta culposa (permissividade na conduta desrespeitosa e o abuso de direito), dano (o sofrimento e abalo emocional decorrente da situação vexatória) e nexo de causalidade (decorre da relação entre a conduta da reclamada e a prestação de trabalho).

Sopesando as circunstâncias do caso, a magistrada arbitrou em R$8 mil a indenização pelos danos morais sofridos pelo trabalhador.
Processo: PJe: 0011173-81.2017.5.03.0142 — Sentença em 21/09/2018

Diabetes: Cancelamentos dos voos da TAP afectam participantes nas Jornadas de Diabetes




Diabetes
Atualização diária  18 de outubro de 2018
NOTÍCIAS
Cancelamentos dos voos da TAP afectam participantes nas Jornadas de Diabetes
Dezenas de participantes das XIV Jornadas de Diabetes da Madeira, iniciativa promovida pelo Serviço de Endocrinologia do Serviço de Saúde da ...
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante
Sintomas de diabetes de tipo 2: Nunca ignore este 'pequeno' sinal
A associação britânica Diabetes UK explica: “A maioria dos indivíduos irá experienciar sexualmente algum tipo de dificuldade ou bloqueio em algum ...
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante
Quer viver mais? Mude-se para a Espanha
... os benefícios da dieta mediterrânea, conhecida por fornecer proteção cardiovascular e contra o câncer, ajudar a prevenir o diabetes e a obesidade, ...
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante
Estudo revela que obesidade aumenta a resistência à ação da insulina
... de reações inflamatórias e, ainda, a uma resistência à ação de insulina, aumentando, assim, o risco associado a pacientes com diabetes tipo 2".
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante
Inicia-se esta quinta-feira a 46.ª Assembleia Geral da Conferência das Regiões Periféricas e ...
Região recebe a 46.ª Assembleia Geral da Conferência das Regiões Periféricas e Marítimas. Inicia-se esta quinta-feira e prolonga-se até sábado, ...
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante
Débora Nascimento entrega José Loreto: “Fala que não sente, mas morre de ciúme”
Na conversa, o ator contou sobre sua saga de conviver com a diabetes. O marido de Débora Nascimento abriu o jogo e revelou que tem a de tipo 1 e ...
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante

Pneumonias: Anvisa aprova vacina influenza para idosos




Pneumonias
Atualização diária  18 de outubro de 2018
NOTÍCIAS
Anvisa aprova vacina influenza para idosos
A vacinação pode reduzir entre 32% e 45% o número de hospitalizações por pneumonias e de 39% a 75% a mortalidade por complicações ...
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante

Câncer: Sabrina Parlatore fala de câncer de mama e quimioterapia: 'Você ressignifica a sua vida'




Cancer
Atualização diária  18 de outubro de 2018
NOTÍCIAS
Sabrina Parlatore fala de câncer de mama e quimioterapia: 'Você ressignifica a sua vida'
Em 2015, a apresentadora Sabrina Parlatore, ex-MTV, descobriu um câncer de mama. Duas semanas depois da descoberta, ela já tinha passado ...
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante
Câncer em jovens e crianças é mais agressivo, mas taxa de cura é maior
câncer é a principal causa de morte em crianças no Brasil, entre 1 a 19 anos, segundo o Inca, e ocorre por alterações nas células embrionárias.
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante
Especialistas falam sobre mitos e verdades do câncer de mama no 'Atitude Rosa', em Goiânia
Especialistas vão explicar sobre mitos e verdades do câncer de mama durante o 'Atitude Rosa', que será realizado neste domingo (21), em Goiânia, ...
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante
Mutirão gratuito de saúde contra o câncer de mama é realizado no bairro de Paripe, em Salvador
O Outubro Rosa chegou e, para fortalecer o combate ao câncer de mama, acontece durante os dias 18, 19 e 20 desse mês, no Subúrbio ferroviário, ...
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante
Descubra como perucas para mulheres com câncer de mama são feitas
Conhecido como Outubro Rosa, o mês é marcado pela conscientização mundial contra o câncer de mama e, muitas vezes, recuperando a ...
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante
Vídeo para mostrar câncer de Jair Bolsonaro é Fake News
Informar. Página Inicial » Cidadania ». Vídeo para mostrar câncer de Jair Bolsonaro é Fake News. 18/10/2018 - 9:23. Por: Redação | Comunicar erro.
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante
Jornalista doa cabelo para mulheres em tratamento do câncer de mama
A comunicadora decidiu deixar a vaidade de lado e doar o seu cabelo para mulheres em tratamento contra o câncer de mama na Fundação Maria ...
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante
Câncer de mama: Florianópolis e Balneário Camboriú têm série de ações educativas e culturais
No mês de prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama, ocorre em Florianópolis e Balneário Camboriú, no Litoral Norte, ações em apoio ...
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante
'Na vida, enfrentamos dificuldades que deixam cicatrizes', diz Daniella Sarahyba sobre câncer
Nas últimas semanas, Daniella Sarahyba teve uma dor forte nas mãos e nos braços de tanto digitar no celular. A modelo carioca, que retomou sua ...
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante
WEB
Outubro Rosa: 14 celebridades que venceram o câncer de mama
Desde 2002, no Brasil, acontece a campanha Outubro Rosa, com ações de conscientização para o tratamento e prevenção do câncer de mama (e, ...
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante
Mulheres vêm à Câmara pedir aprovação de projeto que garante exames decâncer de mama em ...
O projeto garante às mulheres com suspeita de câncer de mama a realização de exames pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em até 30 dias.
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante
Câncer de mama nas redes sociais
Segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA), a estimativa é de que surjam mais de 59 mil novos casos de câncer de mama no Brasil, por ano.
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante
Dor e depressão de pacientes com câncer de mama ainda são negligenciados, aponta pesquisa
Outubro é cor de rosa para alertar as mulheres e a sociedade sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama.
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante
Marca leva desfile ao Mineirão e transforma pacientes com câncer em modelos
Essas mulheres vão desfilar para reforçar a importância e o cuidado para o diagnóstico e tratamento do câncer. Elas já começaram a ter aulas para o ...
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante
Uso de redes sociais para prevenção contra o câncer de mama
Dando seguimento da campanha Outubro Rosa com o objetivo de estimular a população e empresas na luta contra o câncer de mama, a Mastologia ...
Google PlusFacebookTwitterSinalizar como irrelevante

Jornal de Saúde informa

Drogaria Araújo em BH/MG inova e afirma em publicidade que não cobra frete de mercadoria comprada por aplicativo e retirada em lojas da Drogaria

Drogaria Araújo, inova na enganação publicitária e promete não cobrar frete em mercadoria retirada na loja pedido por App  A Drug S...

Jornal de Saúde