terça-feira, 13 de março de 2018

O Operário em Construção - poema de Vinícius de Morais


    O Operário Em Construção
Resultado de imagem para foto de vinicius de morais

    Vinicius de Moraes


E o Diabo, levando-o a um alto monte, mostrou-lhe num momento de tempo todos os reinos do mundo. E disse-lhe o Diabo:
- Dar-te-ei todo este poder e a sua glória, porque a mim me foi entregue e dou-o a quem quero; portanto, se tu me adorares, tudo será teu.
E Jesus, respondendo, disse-lhe:
- Vai-te, Satanás; porque está escrito: adorarás o Senhor teu Deus e só a Ele servirás.
Lucas, cap. IV, vs. 5-8.

Era ele que erguia casas
Onde antes só havia chão.
Como um pássaro sem asas
Ele subia com as casas
Que lhe brotavam da mão.
Mas tudo desconhecia
De sua grande missão:
Não sabia, por exemplo
Que a casa de um homem é um templo
Um templo sem religião
Como tampouco sabia
Que a casa que ele fazia
Sendo a sua liberdade
Era a sua escravidão.

De fato, como podia
Um operário em construção
Compreender por que um tijolo
Valia mais do que um pão?
Tijolos ele empilhava
Com pá, cimento e esquadria
Quanto ao pão, ele o comia...
Mas fosse comer tijolo!
E assim o operário ia
Com suor e com cimento
Erguendo uma casa aqui
Adiante um apartamento
Além uma igreja, à frente
Um quartel e uma prisão:
Prisão de que sofreria
Não fosse, eventualmente
Um operário em construção.

Mas ele desconhecia
Esse fato extraordinário:
Que o operário faz a coisa
E a coisa faz o operário.
De forma que, certo dia
À mesa, ao cortar o pão
O operário foi tomado
De uma súbita emoção
Ao constatar assombrado
Que tudo naquela mesa
- Garrafa, prato, facão -
Era ele quem os fazia
Ele, um humilde operário,
Um operário em construção.
Olhou em torno: gamela
Banco, enxerga, caldeirão
Vidro, parede, janela
Casa, cidade, nação!
Tudo, tudo o que existia
Era ele quem o fazia
Ele, um humilde operário
Um operário que sabia
Exercer a profissão.

Ah, homens de pensamento
Não sabereis nunca o quanto
Aquele humilde operário
Soube naquele momento!
Naquela casa vazia
Que ele mesmo levantara
Um mundo novo nascia
De que sequer suspeitava.
O operário emocionado
Olhou sua própria mão
Sua rude mão de operário
De operário em construção
E olhando bem para ela
Teve um segundo a impressão
De que não havia no mundo
Coisa que fosse mais bela.

Foi dentro da compreensão
Desse instante solitário
Que, tal sua construção
Cresceu também o operário.
Cresceu em alto e profundo
Em largo e no coração
E como tudo que cresce
Ele não cresceu em vão
Pois além do que sabia
- Exercer a profissão -
O operário adquiriu
Uma nova dimensão:
A dimensão da poesia.

E um fato novo se viu
Que a todos admirava:
O que o operário dizia
Outro operário escutava.

E foi assim que o operário
Do edifício em construção
Que sempre dizia sim
Começou a dizer não.
E aprendeu a notar coisas
A que não dava atenção:

Notou que sua marmita
Era o prato do patrão
Que sua cerveja preta
Era o uísque do patrão
Que seu macacão de zuarte
Era o terno do patrão
Que o casebre onde morava
Era a mansão do patrão
Que seus dois pés andarilhos
Eram as rodas do patrão
Que a dureza do seu dia
Era a noite do patrão
Que sua imensa fadiga
Era amiga do patrão.

E o operário disse: Não!
E o operário fez-se forte
Na sua resolução.

Como era de se esperar
As bocas da delação
Começaram a dizer coisas
Aos ouvidos do patrão.
Mas o patrão não queria
Nenhuma preocupação
- "Convençam-no" do contrário -
Disse ele sobre o operário
E ao dizer isso sorria.

Dia seguinte, o operário
Ao sair da construção
Viu-se súbito cercado
Dos homens da delação
E sofreu, por destinado
Sua primeira agressão.
Teve seu rosto cuspido
Teve seu braço quebrado
Mas quando foi perguntado
O operário disse: Não!

Em vão sofrera o operário
Sua primeira agressão
Muitas outras se seguiram
Muitas outras seguirão.
Porém, por imprescindível
Ao edifício em construção
Seu trabalho prosseguia
E todo o seu sofrimento
Misturava-se ao cimento
Da construção que crescia.

Sentindo que a violência
Não dobraria o operário
Um dia tentou o patrão
Dobrá-lo de modo vário.
De sorte que o foi levando
Ao alto da construção
E num momento de tempo
Mostrou-lhe toda a região
E apontando-a ao operário
Fez-lhe esta declaração:
- Dar-te-ei todo esse poder
E a sua satisfação
Porque a mim me foi entregue
E dou-o a quem bem quiser.
Dou-te tempo de lazer
Dou-te tempo de mulher.
Portanto, tudo o que vês
Será teu se me adorares
E, ainda mais, se abandonares
O que te faz dizer não.

Disse, e fitou o operário
Que olhava e que refletia
Mas o que via o operário
O patrão nunca veria.
O operário via as casas
E dentro das estruturas
Via coisas, objetos
Produtos, manufaturas.
Via tudo o que fazia
O lucro do seu patrão
E em cada coisa que via
Misteriosamente havia
A marca de sua mão.
E o operário disse: Não!

- Loucura! - gritou o patrão
Não vês o que te dou eu?
- Mentira! - disse o operário
Não podes dar-me o que é meu.

E um grande silêncio fez-se
Dentro do seu coração
Um silêncio de martírios
Um silêncio de prisão.
Um silêncio povoado
De pedidos de perdão
Um silêncio apavorado
Com o medo em solidão.

Um silêncio de torturas
E gritos de maldição
Um silêncio de fraturas
A se arrastarem no chão.
E o operário ouviu a voz
De todos os seus irmãos
Os seus irmãos que morreram
Por outros que viverão.
Uma esperança sincera
Cresceu no seu coração
E dentro da tarde mansa
Agigantou-se a razão
De um homem pobre e esquecido
Razão porém que fizera
Em operário construído
O operário em construção.


Pastor Wilson, conhecido como maníaco da orelha, é preso sob acusação de vários estupros em Contagem/MG

Pastor Wilson Jorge Ferreira da Igreja Quadrangular de Contagem é preso e acusado de vários estupros, inclusive de vulnerável entre 12 e 16 anos, conforme depoimento de menina que declarou ter sido estuprada pelo pastor durante estes anos.
Pastor Wilson, o maníaco da orelha

Ele ficou conhecido como o Maníaco da orelha devido começar a "chupar" e lamber a orelha de suas vítimas quando as abordava além de carícias em suas genitálias. Ele é pastor há 25 anos e muito conhecido em Contagem e Minas Gerais. Portanto, seus crimes devem ter um grande lastro que a polícia aguarda que seja esclarecido com as vítimas tendo coragem de denunciar o criminoso.

Liea mais: https://www.em.com.br/app/noticia/gerais/2018/03/13/interna_gerais,943744/pastor-maniaco-da-orelha-teria-abusado-sexualmente-de-10-mulheres.shtml

Hospital Sírio-Libanês reforça seu Departamento de Oncogenética para estudar casos de câncer hereditário


 A médica Maria Isabel Achatz junta-se ao corpo clínico do centro de oncologia que, desde 2008, orienta pacientes com predisposição à doença
 
Alguns tipos de câncer têm possível influência hereditária, como é caso de tumores de mama, ovário, próstata, intestino, estômago, tireoide, melanoma, entre outros. O conhecimento prévio da predisposição para aqueles tipos de cancer, poderá estimular a mudança de hábitos de vida dos indivíduos portadores e, por meio de um plano de exames periódicos, detectá-lo precocemente, aumentando consideravelmente as chances de cura.
 
Existe uma área específica da medicina para investigar esses casos. Trata-se da Oncogenética, que trabalha com o mapeamento genético familiar. No Hospital Sírio-Libanês, o Departamento de Oncogenética foi criado em 2008 e, desde então, já fez registros de 1.750 famílias, o que engloba cerca de 40 mil indivíduos. Esse grande banco de dados está sendo sistematizado e, assim, permitirá uma série de estudos sobre o tema.
Para coordenar o Departamento de Oncogenética e esse banco de dados, o Hospital Sírio-Libanês acaba de contratar a médica geneticista Maria Isabel Achatz para coordenar o Departamento de Oncogenética. Ela se juntará ao Dr. Benedito Mauro Rossi, pesquisador e cirurgião oncológico, e à Dra. Renata Sandoval, geneticista que atua no Sírio-Libanês de Brasília, além da enfermeira Erika Santos, que está no Departamento desde a sua criação e foi quem iniciou o banco de dados e organizou todos os fluxos necessários para o trabalho.
 
Ph.D e M.Sc (Mestre e Doutora) em Oncologia, Maria Isabel terá como função principal coordenar o atendimento dos paciente com alto risco para o câncer e seus familiares, além de estabelecer novas parcerias na pesquisa científica sobre as síndromes de predisposição ao câncer. Uma das primeiras ações será criar um sistema de coleta de amostras de todas as pessoas que passarem no Departamento de Oncogenética. “Com isso, teremos o maior banco de dados sobre casos de câncer hereditário”, explica ela.

Dra. Maria Isabel, que antes de vir para o Sírio-Libanês trabalhou como investigadora principal do Clinical Genetics Branch, Division of Cancer Epidemiology and Genetics, do National Cancer Institute, National Institutes of Health (NIH), nos Estados Unidos, mantém sua posição de Pesquisadora Adjunta do NIH e vai estabelecer a parceria de pesquisa com o HSL.  A médica explica que explica que é fundamental avaliar se existe predisposição hereditária em pacientes que já tiveram câncer. Deve-se buscar informações sobre outros parentes que já tiveram câncer, buscando detalhes sobre o histórico familiar. A ocorrência de vários casos de câncer em uma mesma família pode ser um sinal. Observar também a idade em que essas doenças surgiram é outro importante indicador. “Pessoas jovens acometidas por determinados tipos de câncer é um fator de alerta”, afirma.  Mesmo sem histórico familiar, jovens que apresentarem alguns tipos de câncer, como por exemplo o câncer de mama antes dos 45 anos, independente de outros cânceres terem ocorrido na família, devem ser avaliadas pela Oncogenética. 

Para realizar o mapeamento genético familiar, os médicos solicitam coleta de sangue, saliva ou células da mucosa da boca, e realizam um exame de sequenciamento genético para identificar se existem alterações que possam explicar o alto risco para o câncer no paciente ou em sua família.  Além disso, podem usar programas específicos para avaliar a predisposição de determinado indivíduo. Uma informação importante, alerta a médica, é que, quando existe um forte histórico familiar, o valor dos testes pode ser reembolsado pelo convênio médico em alguns casos graças a uma portaria do Ministério da Saúde de novembro de 2012.
Com o resultado do teste, o médico elabora um programa individualizado de prevenção para cada paciente, com exames e medicamentos específicos, dependendo do tipo de predisposição que a pessoa tem, e também sugere mudanças de hábitos de vida, o que ajuda a reduzir o risco.

Sobre o Sírio-Libanês
A Sociedade Beneficente de Senhoras Hospital Sírio-Libanês, instituição filantrópica fundada em 1921, trabalha diariamente para oferecer uma assistência médico-hospitalar de excelência, sempre com um olhar humanizado e individualizado, em mais de 60 especialidades. Em uma busca constante, o hospital desenvolve atividades de ensino, integradas ao trabalho de compromisso social.  O Sírio-Libanês Ensino e Pesquisa promove estudos, compartilha conhecimento e desenvolve projetos integrados com o Ministério da Saúde e contribui para a disseminação de conhecimento e boas práticas para mais de 8 mil gestores de saúde em todo o país, como parte do Programa de Apoio e Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (Proadi-SUS). A instituição também é responsável pela gestão de cinco unidades públicas estaduais e municipais de saúde como parte do trabalho do Sírio-Libanês Responsabilidade Social.

Quatro maneiras fáceis para melhorar a saúde da mulher


As mulheres muitas vezes priorizam a saúde da família em detrimento da própria saúde. Mas, apesar de serem fortes, especialmente pela dupla e até tripla jornada – esposa, mãe e profissional – acabam ficando doentes, como todo mundo.
Muitas vezes, as pessoas, especialmente as mulheres, imaginam que precisam de muito tempo para manter um estilo de vida saudável. Mas existem dicas simples que podem ajudar a mulher a viver não apenas mais, mas melhor. Confira abaixo as sugestões da Patrícia Ruffo, nutricionista e Gerente Científico da Divisão Nutricional da Abbott no Brasil:
 
1. Tenha uma alimentação correta de acordo com sua faixa etária
Com o passar do tempo, as necessidades nutricionais mudam, por isso, é importante estar atenta a alguns fatores:
·         Dos 20 aos 39 anos é importante reforçar o ferro: ele previne a anemia e a fadiga, pois ajuda as hemácias a transportarem oxigênio para todos os tecidos. E isso é especialmente importante durante os anos em que a mulher é mais fértil. O ideal é recorrer à carne magra, castanhas, a maioria dos feijões, folhas verde-escuras, cereais matinais enriquecidos e tofu.
·         Dos 40 aos 59 anos, consuma mais cálcio: a partir dos 50 anos, a ingestão diária recomendada de cálcio aumenta de 1.000 para 1.200 mg por dia. Procure incorporar alimentos ricos em cálcio à sua alimentação, incluindo amêndoas, laticínios, couve e sardinhas.
·         A partir dos 60 anos, preserve a musculatura com proteínas: conforme envelhecemos, o corpo se torna menos eficiente ao processar as proteínas e incorporá-las aos nossos músculos. Acrescente proteína às suas refeições e lanches, com ítens como feijão, ovos, peixes, carnes magras e ou suplementos nutricionais completos e balanceados, pois quando não temos uma alimentação adequada, essa também é uma alternativa saudável.
2. Faça exames preventivos
Fazer os exames de saúde, também conhecidos como “check-ups”, nos ajuda a prevenir possíveis doenças e nos permite manter o foco nas atividades que mais gostamos. No caso da mulher, alguns dos exames recomendados são: 
·         Câncer de mama: a realização de exames preventivos é uma decisão baseada em vários fatores individuais, incluindo a idade e histórico familiar. A indicação é conversar com uma equipe de profissionais da saúde, e verificar quando deve ser realizada a mamografia.
·         Câncer do colo do útero: a partir dos 21 anos, o exame de Papanicolau deve ser feito a cada três anos até os 65 anos de idade.
·         Câncer de cólon: faça um exame preventivo para a doença a partir dos 50 anos.
·         Pressão arterial alta: verifique a pressão arterial ao menos uma vez a cada dois anos.
·         Osteoporose: faça um exame preventivo aos 65 anos para confirmar se os ossos estão fortes. Mas caso tenha menos de 65 anos e um alto risco de fraturas ósseas, é recomendado já fazer o exame preventivo.
·         Avaliação da composição da massa magra: além dos ossos, a partir dos 40 anos1-4, começamos a perder 8% de massa muscular a cada década. Essa perda muscular pode intensificar-se ainda mais com a idade, ou em consequência de uma doença ou lesão. Por isso, é possível realizar alguns exames simples para avaliar a composição muscular.
·         Diabetes e doenças cardiovasculares: realize o exame de sangue para checar a glicemia ao menos uma vez ao ano, além dos exames para prevenção das doenças cardiovasculares.
3. Exercite-se
Uma vez que os exercícios regulares são o principal aliado da saúde cardíaca, aqui vão algumas dicas para encaixar ao menos 30 minutos de atividade em sua rotina semanal:
·         Ir ao trabalho a pé ou de bicicleta
·         Estacionar o carro longe do destino
·         Subir escadas no escritório ou no hotel quando estiver viajando
·         Levar o cachorro para passear
·         Brincar de pega-pega ou corrida com os filhos
·         Exercitar-se enquanto assiste à TV
4. Durma
Dormir bem é importante. Os adultos precisam de sete a oito horas de sono por noite. A privação do sono está associada a diversas condições crônicas, incluindo a doença cardiovascular, o diabetes e a obesidade. Algumas dicas para garantir uma boa noite de sono:
·         Procure deitar-se no mesmo horário todas as noites e levantar-se no mesmo horário todas as manhãs
·         Mantenha o quarto silencioso e escuro, e com uma temperatura confortável
·         Retire todos os computadores, televisões e outros aparelhos do quarto
·         Use a cama apenas para dormir e não para outras atividades, como ler, assistir à TV ou ouvir música
·         Evite comer em excesso antes de dormir
“Às vezes, nós mulheres não nos damos conta da própria rotina. Mas é importante percebermos que algumas mudanças, por mais simples que pareçam, são necessárias, e fazem muita diferença ao nosso estilo de vida e, consequentemente, nossa saúde”, conclui Patrícia.
 
 
Fonte:
1.      Grimby GB et al. Acta Physiol Scand. 1982;115:125.
2.      Larsson L et al. J Appl Physiol. 1979;46:451.
3.      Flakoll P et al. Nutrition. 2004;20:445-451.
4.      Baier S et al. J Parenter Enteral Nutr. 2009;33:71-82.

Política nacional: RenovaBio: Unica esclarece as propostas da Política Nacional de Biocombustíveis


polticia nacional
Atualização diária 13 de março de 2018


NOTÍCIAS

RenovaBio: Unica esclarece as propostas da Política Nacional de Biocombustíveis
A União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica) divulgou na segunda-feira (12/03) um comunicado para esclarecer as propostas da Política Nacional de Biocombustíveis,também conhecida como RenovaBio. De acordo com a entidade, é improcedente o argumento de que o RenovaBio implicará na ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Prefeito participa de congresso nacional de municípios em São Paulo
O prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD), participa do 1º Congresso Nacional de Municípios, em São Paulo (SP). O evento começa às 9 horas (horário de Mato Grosso do Sul), na Assembleia Legislativa de SP, na avenida Pedro Álvares Cabral, Parque do Ibirapuera. De acordo com a ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Gervásio se reúne com presidente nacional do PSB e discute Eleições 2018 em Brasília
"Em Brasília, nos reunimos com o líder político de Campina Grande, Fábio Maia, com o governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg e o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira. Na pauta, discutimos assuntos de interesse do nosso Estado e a conjuntura política de 2018.", declarou ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Vereadora da Câmara do Porto Catarina Araújo é candidata à concelhia do CDS-PP
"Para a presidência da Mesa do Plenário Concelhio, a candidata conta com Pedro Moutinho, antigo líder da Juventude Popular e atual membro da Comissão Política Nacional do CDS, sendo a lista de delegados à Assembleia Municipal encabeçada por Vasco Morais Soares, membro do Senado ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


MPLA avalia programa de governo
O bureau político do MPLA apreciou ontem a proposta do Executivo sobre o Programa de Apoio à Produção Nacional, Diversificação das Exportações e ... O facto foi expresso ontem pelo primeiro secretário provincial do Huambo, João Baptista Kussumua, na apresentação da agenda política 2018.
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante

SUS incorpora dez novas terapias alternativas


saúde em geral
Atualização diária 13 de março de 2018


NOTÍCIAS

TST decide que empregados dos Correios devem pagar por plano de saúde
O Tribunal Superior do Trabalho (TST) decidiu, nesta segunda-feira (12), que os empregados dos Correios e seus dependentes deverão pagar mensalidade para manter os planos de saúde. O tema foi objeto de julgamento pela Seção de Dissídios Coletivos da corte, que aprovou a proposta do ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


SUS incorpora dez novas terapias alternativas
O Ministério da Saúde anunciou na manhã desta segunda-feira, 12, no Rio, a inclusão de dez novas práticas alternativas no Sistema Único de Saúde (SUS) como florais, aromaterapia, bioenergética, constelação familiar e cromoterapia. A partir de agora, são 29 procedimentos oferecidos. No ano ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Hospital Geral de Ilhéus é fechado para reforma
O Hospital Geral Luiz Viana Filho, em Ilhéus, no sul da Bahia, suspendeu os atendimentos, por tempo indeterminado, nesta segunda-feira (12), por conta de ... Ainda conforme a Secretaria da Saúde, "após a conclusão da reforma, a unidade será cedida para o município de Ilhéus, que a administrará".
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Planos de saúde lideram ranking de reclamação de consumidores
Os planos de saúde fazem parte do setor que mais recebeu reclamações de consumidores direcionadas ao atendimento do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec). Segundo o levantamento divulgado nesta segunda-feira (12), os contatos relacionados a operadoras de saúde somaram 23 ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Brasileiro dorme cada vez pior, e sono deteriora com idade
O uso de medicamentos para dormir é recomendado apenas em casos especiais, porque pode agravar a saúde em geral. A médica da Unifesp afirma que há hoje terapias que mudam os comportamentos negativos em relação ao sono e reduzem o medo de não dormir e a tensão. Fonte: Folhapress.
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Secretaria de Saúde de Taquara cria grupo para orientar mulheres sobre a menopausa
A Secretaria Municipal de Saúde de Taquara criou, durante a programação da Semana da Mulher do município, o “Melhor Viver” – grupo formado por ... Lorival da Rosa, além dos vereadores Mônica Facio, Levi Metanoya e Marlene Haag, servidores da Secretaria de Saúde e comunidade em geral.
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Mais 170 mil pessoas vacinadas contra a gripe nesta época
A Direção-Geral da Saúde anunciou que na atual época gripal foram vacinadas gratuitamente contra a gripe mais 170 mil pessoas do que na época anterior. Em comunicado, a DGS revelou que desde o início de outubro do ano passado foram administradas gratuitamente e no Serviço Nacional de ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Temer sanciona projeto de crédito para Educação, Saúde e Desenvolvimento Social
O presidente Michel Temer sancionou nesta segunda-feira, 12 o projeto de lei que abre crédito especial de R$ 2 bilhões ao Orçamento em favor dos ministérios da Educação, Saúde e Desenvolvimento Social. O projeto autoriza a União a transferir os valores a municípios que estiverem com ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Barros deixa ministério antes do prazo e quer indicar amigo
O ministro da Saúde, Ricardo Barros (PP-PR), decidiu deixar o governo antes de 7 de abril, prazo final para que ministros que disputarão as eleições se desincompatibilizem dos cargos. Candidato à reeleição de deputado federal, ele retomará o mandato parlamentar na última semana de março para ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Pedro Ramos foi inteirar-se das condições do Centro de Saúde do Caniço
“O ano passado tínhamos visitado o centro de saúde do Caniço. Precisa de algumas melhorias, mais recursos humanos e algum equipamento. Os recursos humanos poderão vir em breve, porque só em 2017 contratámos 17 novos médicos, dos quais oito foram da medicina geral e familiar, e agora ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante

Jornal de Saúde informa

Até quando juiz poderá passar por cima da Constituição do STF e soltar liminar que fere o Direito de expressão e a liberdade de imprensa?

Grande equívoco de juiz, ao proibir a Globo de noticias matérias do processo do Assassinato de Mariele Franco e Anderson Gomes. Não podemo...

Jornal de Saúde