sexta-feira, 22 de dezembro de 2017

A trinca do mal do Supremo Tribunal Federal, trabalharam contra o Brasil e os brasileiros do salário mínimo


A atitude é a máscara feérica de Gilmar Mendes, é um homem infeliz, que possui comprometimento com a podridão da corrupção que assolou o Brasil. Sua instituição de ensino recebeu doações da JBS, de Wesley Batista. Ele e sua esposa, mesmo que indiretamente tem grau de parentesco com Jacob Barata Filho, que ele liberou três vezes com Habeas Corpus. De Lewandoviski não precisa falar no Mensalão, ele quase foi agredido em praça pública, quando foi votar em 2014, muitos odeiam essa homem que é da situação perversa e a favor dos pervertores que assolaram o país.

Dias Toffolli, esse coitado, arremedo de juiz indicado pela ex-esposa de Lula, da. Marisa, apenada com o pedido de sua parente e pela constância de repetição de exames de Toffoli, ela o indica e Lula, referenda a indicação.

Logo, ao entrar enfrenta acusações de financiamento de triplex fora de seu orçamento que até hoje não foi esclarecido devidamente. Enfim, um juiz amordaçado pela sua trajetória. Não precisa dizer mais nada. Eles são contra a Lava Jato, contra o Brasil do salário mínimo, estes, eles querem que fiquem na masmorra para sempre. Enquanto que Adriana que tem condição financeira que tem graças a corrupção, ao desvio, roubo de bilhões, talvez, pode passar o Natal e o Ano Novo, cercado de mimos e luxos.

TRABALHO ESCRAVO Auditores resgatam dois trabalhadores na Vila de Jericoacoara (CE)

marca.jpg



TRABALHO ESCRAVO
Auditores resgatam dois trabalhadores na Vila de Jericoacoara (CE)
Eles atuavam como pedreiro e servente na construção de uma pousada 

Auditores-fiscais da Superintendência Regional de Trabalho do Ceará (SRT-CE), juntamente com integrantes da Procuradoria do Trabalho e agentes de Polícia Federal encontraram dois trabalhadores em situação análoga à de escravo na construção de uma pousada na Vila de Jericoacoara, no município de Jijoca de Jericoacoara (CE). Eles trabalhavam como pedreiro e servente e faziam parte de um grupo de 23 trabalhadores que atuavam nas obras.

Os trabalhadores foram encontrados em péssimas condições de vida e trabalho, vítimas de irregularidades trabalhistas e enfrentando grave e iminente risco de vida. Eles dormiam precariamente no próprio local de trabalho, em redes armadas  sobre os entulhos e restos de material da construção em um dos quartos da futura pousada; laboravam na mais completa informalidade, sem carteira de trabalho assinada; bebiam água retirada diretamente das torneiras, sem qualquer processo de filtragem ou purificação, em copos coletivos, o que os expunha a riscos de contaminação e a doenças infectocontagiosas. O banheiro era bastante precário, sujo, desprovido de papel higiênico, escuro, sem energia elétrica, com vaso sanitário sem tampo. Não havia local adequado tanto para o preparo quanto para o consumo de refeições, o que faziam em pé ou sentados sobre os escombros.

Foram também constatadas diversas irregularidades que levavam a uma situação de extrema perigo para a segurança dos trabalhadores, como instalações elétricas precárias, com gambiarras e fiações expostas, com risco permanente e iminente de choques elétricos e incêndios, quadro agravado pela inexistência de extintores, entre outras irregularidades que acarretaram o embargo total da obra.

Os trabalhadores eram submetidos a condições de vida e de trabalho que afrontavam a dignidade do ser humano e que caracterizava situação de trabalho degradante, um dos tipos de trabalho análogo à de escravo, prevista no art. 149 do Código Penal Brasileiro. Essa situação desrespeita os tratados e convenções internacionais ratificados pelo Brasil – a exemplo das Convenções da OIT n.º 29 (Decreto n.º 41.721/1957)  e 105 (Decreto n.º 58.822/1966), da Convenção sobre Escravatura de 1926  (Decreto  n.º 58.563/1966) e da Convenção Americana sobre Direitos Humanos (Pacto de San Jose da Costa Rica - Decreto n.º 678/1992) – que têm força cogente própria das leis ordinárias e status de lei em nosso ordenamento jurídico.

Os trabalhadores resgatados receberam as verbas rescisórias pagas pelo empregador, que também arcou com as indenizações morais pelo dano moral causado. As vítimas receberão um Seguro Desemprego especial. Foram lavrados mais de 40 autos de infração pelas irregularidades encontradas pela Fiscalização do Trabalho.

TVs e outros meios de comunicação não possui Lei séria e o consumidor consome e paga por notícias falsas e pagas por grupos

Imagem relacionadaAs leis que regem a comunicação no país deveriam ser aprimoradas. Principalmente as da imprensa. A receita de publicidade e propaganda que permite financiar jornais e revistas e outros órgãos, é muito precário, elitizado e apenas grandes conglomerados de comunicação ganham dinheiro. Alguns, muito dinheiro.

O que não deveria ser cobrado nunca é a publicidade e propaganda de matérias cujo conteúdo não renda lucro para a empresa e nem para o entrevistado, ou fato, imagem. Enfim qualquer coisa que venha lembrar e assim aumentar vendas e lucro.

Jogador de futebol, atrizes e atores de televisão, cinema. Enfim as personalidades já pagam para aparecer em foto e manchetes de jornais. Os políticos pagam matérias tanto radiofônicas, quanto televisivas e ainda mais, as impressas. Ocorre, o mesmo, para a agricultura, indústria e serviços que pagam seu lobbye, propagandístico - quando fala institucionalmente e defende, marcas e seu interesse e de grupo. Quando publicitariamente, quando se vende algo e se obtém lucro. 

Mas, as empresas, as grandes empresas, fazem isso como o lobbye, no Congresso, todos sabem, todos sabem que existem escritórios de advogados, economistas, engenheiros e até comunicadores lobistas. Mas, ninguém fala nada e a sujeira é varrida para debaixo do tapete. Quem perde com isso são as empresas menores e o público consumidor que compra gato por lebre e vira fã de determinado atleta e odeia outro devido a carga "viral" de matérias, imagens, comentários e outros. As redes sociais, então virou o prato feito e algumas até mesmo o filet mignon para artistas e todo o tipo de personalidade e rende apenas para as empresas que ficaram bilionárias quase da noite para o dia, veja por exemplo, Facebook e Google, entre outros que mandam no mercado e fingem, são desonestos, que pagam para publicar vídeos no Youtube, no Google Adsense e outros.

Por exemplo, matérias sobre Neymar, Cristiano Ronaldo, possuem valores, não saem de graça. Ou seja, Cristiano Ronaldo e Neymar, possuem valores, caches de direito de imagem, que são verdadeiras forturnas para seus clubes. Portanto, quando uma emissora ou revista falam deles imediatamente vai falar de um produto ao qual eles estão veiculando publicidade. Portanto, sempre vão falar bem e isso tem um preço. Agora, o pequeno, fala porque, se não falar de Neymar, pensa que ninguém vai ler seu artigo, seu jornal, escutar seu programa de rádio ou de TV e não ganha nada, paga por isso. É como o jogador de futebol em início de carreira que paga para jogar no time.

Não podemos esquecer que os meios de Comunicação estão nas mãos de grandes empresas. Na Argentina essa concentração, centralização dos meios de comunicação fez com que houvesse debate político e enfrentamento parlamentar com o desgaste da presidente na época e derrota do grupo Clárin. No Brasil, as emissoras de televisão: Globo, Record, SBT e outras concentram pela gosto e analfabetismo brasileiro, essa fatia de mercado, tornando-se o maior vendedor de tudo, quando se possa imaginar, no país. o brasileiro, não sabe, ele compra de tudo, influenciado pela televisão que dispõe 24 horas de novelas, filmes e telejornalismo com intuito de "limpar" a barra de muitos políticos e economistas que afundaram o país. Até mesmo os condenados e presos, se pagar bem, a manchetes, chamadas, são amenizadas. Não há compromisso com o público e com a verdade, e sim com o dinheiro, ora se pagar que mal faz. O público é visado para consumir mesmo e não pode pensar.

Um dos maiores exemplos, que os meios de comunicação manipulam a Opinião Pública, que em outros países, é crucial para governos, famílias, bilionários, preços e marcas. Foi o Movimento da Frente Brasil, e outros grupos em São Paulo e Brasil, que foram financiados, em grande parte, com dinheiro do BNDES, cujo emprestadores foram os irmãos Joesley e Wesley Batista, que estão presos, por lucrarem com vendas de ações quando denunciaram o presidente Michel Temer e Rodrigo Rocha Loures, no esquema de pagamento e recebimento de mal com R$ 500 mil reais, filmado pela Policia Federal, e passado como show nos telejornais para todo o país, com direito a reunião de família e pipoca, desculpem a graça.

As redes de Televisão marcaram o dia, noticiaram o dia, bombardearam todo o segmento e as chamadas eram em tom de "vamos para a rua para mudar o país, use verde amarelo, se você é brasileiro". Como se quem não fosse para a rua e não usasse, não vivesse e não fosse brasileiro. O saldo dessa irresponsabilidade que certamente foi paga, é de mais de 2 milhões de pessoas foram para as ruas e o Brasil continuou com 13 milhões de desempregados, com aumento da pobreza, miséria, fome e do pior dos castigos, a desigualdade social, econômica e educacional. Na saúde, então, é raridade que demonstradores em cidades e estados estejam satisfatórios. As epidemias de Dengue, Zika, Chikungunya e Febre Amarela, essa então, vergonhas para um país que dizia em Desenvolvimento e democratizado. Hoje no país, deputado federal, ladrão, corrupto, condenado, recebe mais de R$ 9 mil de aposentadoria em detrimento de um trabalhador honesto, que trabalhou de sol a sol, por 35 anos. Um juiz, um desembargador ganha mensalmente mais de R$ 100 mil reais mensais com auxílio alimentação, gasolina, moradia e outros e tudo isso é normal, constitucional e democrático.

Por isso, que a comunicação como os bancos, hoje, são honestos, por mais desonestidade que ocorra. Agora, o cidadão entra na agência e é obrigado, estar visível a "cesta" de ofertas, ou seja, serviços prestados cada qual com seu valor, que será debitado na conta da pessoa, ponto final. O cidadão não pode e não é mais enganado. Quando é enganado possui a Lei do Consumidor que lhe traz à tona o Direito de reclamar e até mesmo de pedir Perdas e Danos Morais.

Na comunicação onde o cidadão é bombardeado 24 horas pelas redes de TV, telejornais que combinam notícias pagas, dentro do próprio telejornal, que se não são pagas, vão fazer com que o telespectador queira aquele produto igual, como o merchandising nas novelas de grandes marcas de carros e outros produtos. Sendo que cervejas e outras bebidas não pode, somente depois das 22 hs. Na internet tenta-se, mas a cultura de semi alfabetizado, e a cultura tupiniquim de empresário levarem super vantagens em tudo, faz com que a remuneração por pesquisas, consumo, compras, bonificações, quase sempre não deem certo e fique na meia boca, como a Google com a empresa Adsense, e as empresas de pesquisa de mercado e as vendas casadas, onde o consumidor ganha notebook e vários outros tipos de produtos, que nunca chegam em sua residência. Quando saem, demora tanto e sai para pessoas da "panela", não há lisura, como os programas pagam prêmios, obviamente de patrocinadores que manipulam resultados e pagam se o cliente, "o da poltrona" pagar pelo conteúdo que está lhe empurrando diariamente.

Na Europa e América, no mundo civilizado, existe sim a mídia espontânea, que é a emissão de release, estes são enviados para redações, ou para os meios de comunicação e são lidos pelos editores, redatores e muitos são aproveitados como pauta, ou parte de pauta. Não são remunerados e todos trazem publicidade e propaganda. Há aqueles que querem que o meio de comunicação consuma o produto e ainda fale bem desse produto, totalmente de graça, sem ao menos conhecer o produto se ele existe, ou não, se tem sabor de morango, mesmo, ou se tem colorante artificial e aroma de morango e muitos conseguem publicações. Alguns meios pensam que se falar da marca seu veiculo vai ser respeitado, lido, assistido, ouvido e que no futuro a empresa vai contribuir para com a publicidade da empresa e ainda tem o tal do jabaculê, o por fora que o profissional ganhava, outrora, e que ainda persiste, como a carteirada do profissional de comunicação em jogos esportivos o que persiste até hoje, imagine só, juízes e desembargadores, podem dar carteirada.

Não há lei específica e nenhum deputado federal jamais ousou elaborar qualquer coisa que o valha. Pois, ele seria a vítima, já pensou, a assessoria tendo de pagar contas de final do mês de tantas laudas ou chamadas de nomes que apareceram do deputado nos jornais ou que foram faladas na televisão, dentro do lema malufista, fale mal de mim, mas não deixem de falar de mim. Com isso ele ganhou o bordão de que é o político que rouba mas faz e muitos defendem no país esse tipo de político e quem e contra, os chamados Politicamente Corretos, são chamados de "chatos", porque o negócio do brasileiro bitolado pelos meios de comunicação é levar vantagem em tudo e sempre por fora. Assim, ele acha que está ganhando e que é o maioral para dizer palavrão.

É tão importante isso que as emissoras de TV, por exemplo, no SBT em 2016, a chamada de 30' custava mais de R$ 460 mil reais, não fica apenas nisso, tem a produção, quem investe quase meio milhão de reais, não vai fazer qualquer coisa e com qualquer empresa vai querer os melhores do mercado e isso custa mais dinheiro. E sustentar uma campanha desse porte é que sai mais caro ainda. Assim, o consumidor que come pipoca e assiste o filme repetido patrocinado pelo produto tal, está pagando por este produto e recebe mais produtos pagos e a pagar ainda em sua casa, principalmente na comunicação.

Os meios de comunicação brasileiros, que não são bem regulamentados por lei, é como futebol, grandes clubes endividados, que pagam salários milionários para jogadores duvidosos em detrimento de outros clubes, onde os jogadores vivem o pesadelo, de não trabalhar, e se ser sustentado pelos pais, esposas e outros familiares para ver se conseguem atingir a meta, quase sempre não conseguem, não há lei, e as que existem, protegem os cartolas, que não saem dos noticiários pagos ou a pagar, que visam a compra e venda de jogadores. Tal, a rede que vende de sabonete a automóveis de luxo para compor o imaginário milionários do trabalhador, que por sorte, quase sempre dorme, cansado de tanta exploração no trabalho, e escapa de mais uma subrepciamente, em sua casa.

As agências de publicidade e tudo que envolve os meios de comunicação no Brasil, até mesmo a Anatel, giram em torno de leis, mas apenas para distribuir a exploração do meio. São leis rígidas, que regulamentam. Mas, não existe leis, nem as de mercado que regulamentem, o direito de publicidade pelos meios de comunicação. Assim, muitas empresas se corrompem e são corrompidas ou já nascem estatutamente corrompidas. Super faturam mídias, lavam dinheiro. Enfim, o marqueteiro Duda Mendonça e Mônica e Santana, viram exemplos, e outros que e sao presos como Marco Valério, com quase 50 anos de cadeia, fundador em Belo Horizonte/MG, da empresa DNA que, praticamente, substituiu a agência Setembro, que fez todas as maracutaias publicitárias para eleger Fernando Collor de Melo, em 1990.

Mesmo, a publicidade, estando no olho do furacão, nunca foi objeto de lei que abrigasse, pelo menos teoricamente, mas justiça na verba publicitária pública, privada e para todos os meios de comunicação dentro da igualdade democrática e de direito, do cidadão, em última instância. Hoje, se nos governos de Lula e Dilma, alguém tivesse, lutado e vencido essa disputa no Congresso, talvez, Lula não estivesse condenado tanto pelo juiz Sérgio Moro, quanto pela opinião pública brasileira, como um presidente popular, que fez alguma coisa pelo povo, mas que agora, é corrupto, condenado e pode ser preso a qualquer momento, proibido de se candidatar à presidência da República, e mesmo, se for candidato, corre o grande risco de ser derrotado pelo "azeite" da engrenagem da mídia, paga, pelos bastidores.

Marcelo dos Santos - jornalista - MTb 16.539 SP/SP
 
 

Dirigente defende agenda política em defesa da engenharia nacional


polticia nacional
Atualização diária 22 de dezembro de 2017


NOTÍCIAS

Dirigente defende agenda política em defesa da engenharia nacional
Wollmann, que preside a entidade desde o final de 2014, diz que a ideia para o próximo triênio é dar continuidade ao trabalho desenvolvido nos últimos três anos, o que inclui a manutenção de uma agenda política em prol da engenharia gaúcha e nacional e contra as privatizações que vêm sendo ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Força Nacional será reforçada no Rio Grande do Norte
O governo federal autorizou o reforço do efetivo da Força Nacional e das Forças Armadas no Rio Grande do Norte para garantir a segurança no estado. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do RN, o pedido foi aceito pelos ministros da Defesa, Raul Jungmann, e da Justiça, Torquato ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


2018: Incerteza política marca arranque do ano em Timor-Leste
O Governo minoritário de coligação, da Frente Revolucionária do Timor-Leste Independente (Fretilin) e do Partido Democrático (PD), continua com futuro incerto e a oposição - Congresso Nacional da Reconstrução Timorense (CNRT), Partido Libertação Popular (PLP) e Kmanek Haburas Unidade ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Fenprof questiona números das progressões e acusa Governo de falta de seriedade política
Não, não foi incompetência técnica, terá sido, mesmo, falta de seriedade política", acusou a Federação Nacional de Professores (Fenprof), em comunicado. Já hoje, numa nota de esclarecimento enviada à Lusa, o Ministério da Educação (ME) tinha recusado qualquer contradição de números entre os ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante

Temer cita Argentina como exemplo por ter aprovado reforma da Previdência


Michel Temer
Atualização diária 22 de dezembro de 2017


NOTÍCIAS

Temer cita Argentina como exemplo por ter aprovado reforma da Previdência
Durante o discurso na abertura da 51° Cúpula de Chefes de Estado do Mercosul e Estados Associados, o presidente Michel Temer citou a Argentina como exemplo por ter aprovado a reforma da Previdência. Antes, ao recepcionar o presidente argentino, Mauricio Macri, o presidente se voltou para a ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Michel Temer se reuniu com lideranças da Globo para pedir apoio político, diz jornal
O presidente Michel Temer teve uma reunião reservado no início de outubro com João Roberto Marinho, do Grupo Globo, com o objetivo de conversar sobre a cobertura feita pela empresa de seu governo. Temer também teria inclusive pedido apoio para a reforma da Previdência. As informações são ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Michel Temer é rejeitado por 74%, diz Ibope
O presidente Michel Temer (PMDB) voltou a experimentar o gosto de ver sua aprovação subir após mais de um ano. A taxa de brasileiros que consideram seu governo bom ou ótimo passou de 3% em setembro para 6% em dezembro, segundo pesquisa divulgada pelo Ibope nesta quarta-feira (20).
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Michel Temer sanciona FEX e libera R$ 496 milhões para Mato Grosso
O presidente da República, Michel Temer (PMDB), sancionou no final da tarde desta quinta-feira (21) o projeto de Lei que autoriza a União a liberar R$ 1,9 bilhão referente ao Auxílio Financeiro de Fomento às Exportações (FEX) para os Estados. De Brasília, o governador Pedro Taques (PSDB) ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante



Michel Temer diz que poderia ser candidato em 2018
O presidente Michel Temer (PMDB) disse nesta semana que não descarta disputar reeleição em 2018, apesar de não ser o seu "desejo". Em entrevista para a rádio Bandnews FM, o peemdebista ressaltou que o governo deverá ter candidato nas eleições do ano que vem, e que será alguém que ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Para Temer, Macri 'serve de exemplo' por aprovar reforma da Previdência na Argentina
Presidente Michel Temer cumprimenta o presidente da Argentina, Mauricio Macri, no Palácio do Itamaraty. O presidente da República, Michel Temer, disse nesta quinta-feira (21) que o presidente da Argentina, Mauricio Macri, "serve de exemplo" por ter conseguido aprovar a reforma da Previdência no ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Temer na área
Parte da subestação de energia elétrica “Xingu-Estreito, que está sendo construída na região do bairro rural da Lage, em Ibiraci (MG), está prevista para ser inaugurada nesta quinta-feira. A visita é mantida em sigilo, mas o presidente da República, Michel Temer (PMDB), é esperado no evento.
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Globo e Temer se acertaram para ferrar trabalhadores
Michel Temer e os donos da Globo se reuniram secretamente, em outubro, para definir pauta comum contra os trabalhadores. Globo e Temer acertaram, por exemplo, a estratégia de votação da reforma da previdência, qual seja, o fim das aposentadorias. Temer aproveitou para enquadrar a emissora, ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Engevix pagou propina a operador de Temer
247 - A empresa argentina Corporación América –controladora do aeroporto de Brasília– identificou um possível pagamento de propina no valor de US$ 250 mil, feito em 2014. A informação está em comunicado ao mercado americano. Em 2014, a operadora aeroportuária argentina tinha como sócia ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Temer, o enquadrador-geral da República
Como se sabe, a Globo não conseguiu ver deposto o governo Michel Temer, pelo que fez campanha aberta em seus veículos após o áudio controverso dos donos da J&F, parte da delação premiada que também complicou a vida do ex-PGR Rodrigo Janot que, por pouco, não teve sua prisão pedida ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


WEB


Michel Temer participa 51ª Cúpula de chefes de Estado do Mercosul e Associados
No palácio do Itamaraty, Temer recebeu o chanceler do Chile e os presidentes da Guiana, Uruguai, Paraguai, Bolívia e da Argentina.
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Michel Temer, após LI Cúpula de ...
Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Michel Temer, após LI Cúpula de Chefes de Estado do Mercosul e Estados Associados - Palácio Itamaraty ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Discurso do Presidente da República, Michel Temer, no encerramento da LI Cúpula de Chefes de ...
Palácio Itamaraty, 21 de dezembro de 2017. Obrigado. Eu agradeço ao presidente Arlindo Chinaglia e agradeço as intervenções. Registro, mais uma vez, que o Mercosul surgiu há 26 anos para alcançarmos objetivos claros, ou seja, dar mais qualidade de vida às nossas populações, consolidar um ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Brinde do Presidente da República, Michel Temer, durante almoço em homenagem aos Chefes de ...
Brinde do Presidente da República, Michel Temer, durante almoço em homenagem aos Chefes de Delegação da LI Cúpula de Chefes de Estado do Mercosul e Estados Associados - Palácio Itamaraty ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Jornal da Band
Michel Temer transferiu hoje a presidência do Mercosul ao Paraguai durante a cúpula do bloco, em Brasília.
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Michel Temer na LI Cúpula de Chefes de Estado do Mercosul e Estados
Galeria anteriorTemer recebe o presidente da Guiana, David Arthur Granger. Próxima galeriaHotéis baianos garantem boa ocupação neste fim de ano, na Bahia · Fabiano Vito ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Michel Temer na cerimônia de Divulgação do Plano de Negócios e Gestão 2018-2022 da Petrobras
21/12/2017- Brasília – DF, Brasil- Cerimônia de Divulgação do Plano de Negócios e Gestão 2018-2022 da Petrobras. Discurso do Presidente da Petrobras, Pedro Parente. Fotos: Alan Santos/PR. Clique para fazer download gratuito da imagem. Ao fazer o download você declara que está de acordo ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Unanimidade na rejeição a Michel Temer
A maioria esmagadora da população, quase a unanimidade, ou seja, 97% dos brasileiros, rejeita o presidente Temer. É o que revela pesquisa do Instituto Ipsos, divulgada nesta quarta-feira (20/12). Diante de tantas mentiras, como a do crescimento da economia e a de que a reforma da Previdência, ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante

Jornal de Saúde informa

Cuba abandona programa Mais Médicos. 11 mil Profissionais devem ir embora

Jornal de Saúde informa sobre saúde e outras notícias Atualização diária  ⋅   16 de novembro de 2018 NOTÍCIAS Cuba abandona programa ...

Jornal de Saúde