domingo, 16 de abril de 2017

A máscara de Lula caiu e de muitos outros corruptos


O Partido dos Trabalhadores fundado na cidade de Lins em São Paulo, hoje se colar, analisar o fatos, não é de esquerda e não nasceu de esquerda na cabeça de Lula e seus companheiros mais próximos. As intervenções de Lula e depois a amizade na década de 80 com Emílio OdebrechT e o que GoLbery de Couto Silva, afirmou sobre Lula, comprovam.

Em 1979 em Belo Horizonte, Minas Gerais, houve uma greve dos trabalhadores na Construção Civil, que se estendeu por 30 dias. Contam que mandaram chamar Lula e que em menos de dois dias ele negociou com os patrões. Talvez, essas mesmas construtoras que estão na Operação Lava Jato, como corruptores e corruptos.
Nos anos de 1982 na Lapa, bairro da zona Oeste da Grande São Paulo. O partido dos Trabalhadores abriu uma zonal, ou sede, e filiava pessoas para o partido, decerto colhia também assinaturas, como é hoje, para solidificar, legalmente o partido.

Ocorre que ao atender as pessoas, ressalta-se ainda vigia a Ditadura Militar, que cairia somente em 1985, um operário ou militante fantasiado de operário, literalmente, rejeitava estudante. Eles queriam apenas operários. Mesmo quem trabalhava em metalúrgica, no escritório, e estudava à noite, pagava para estudar, nessa época o ensino superior era muito difícil para quem era pobre, era um desafio. Hoje, também, pois o PT inventou mais vestibulares do que já havia.
Voltemos a Belo Horizonte, certo sargento da PM-Polícia Militar - que participou ativamente durante a Ditadura Militar. Conforme ele conta levava presos para o Rio de Janeiro, tais como: Márcio Lacerda e outros nomes de peso da política estudantil e militante de partidos de "esquerda", socialistas, comunistas e da igreja católica, que se engajaram na luta contra a Ditadura Militar. Ele afirma que Lula e Roberto Jéferson - o deputado federal do PTB, que denunciou o José Dirceu, então Ministro da Casa Civil - e este a bengaladas pediu demissão do cargo.

Nessa semana que passou foram passados vários vídeos que decerto enojaram a sociedade brasileira pela tamanha cara deslavada e todos sorridentes e bem humorados frente as câmaras. Não parece que corromperam o staff de vários presidentes e que 19 partidos políticos, que deveriam serem fechados, imediatamente, assim que os processos se concluíssem, como efeito cirúrgico, extirpativo do cancro que fundou e se instalou na política brasileira. Somente com essa radicalidade pode o país pensar em futuro melhor e mais seguro, para o século XXII, tal a devassidão como na guerra da Síria, a corrupção causou no país. Por isso que o Brasil, cresce um ano e meio e depois entra em recessão profunda durante mais de dois anos. É o efeito da corrupção que não deixa o país seguir sua vocação de ser um grande país na América do Sul.

Por último, como não quero cansar o leitor atento, relembro apenas a fala de Emílio Odebrecht quanto ele fala que é amigo de Lula desde 1978, quando ele ainda era presidente do Sindicado dos Metalúrgicos de São Bernardo. O fato mais marcante é que Lula nunca lutou contra Joaquinzão ou Joaquim Andrade dos Santos, que era presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo, pelego notório onde até defunto votava para reelegê-lo. Isso denota que Lula já não era assim tão esquerdista, tão comunista já no berço do sindicalismo.

Emilio Odebrecht cita o ministro da Casa Civil de João Baptista de Figueiredo, que em conversa particular, lembra para Emilio "Lula não é esse esquerdista que vocês estão pensando. Ele é um bon vivant, ele gosta de boa vida, de coisa boa. ". Isso um general que tinha todo o SNI - Serviço Nacional de Inteligência - nas mãos e se não sabia tudo, sabia muito mais do que qualquer presiente de emrpesa e reles mortais que transitava nessa terra brasilis. Pena que ele morreu e não pode confirmar essa pérola da traição de Luís Inácio da Silva, até então.

Lula foi preso, não ficou preso de fato, nem 24 horas. Ulysses Guimarães, advogado e militante político pelo PMDB, que discutiu e conseguiu aprovar a Anestia Ampla Geral e Irrestrita foi lá e com as bençãos da "Ditadura" tirou Luís Inácio da Silva da cadeia, Isso em 1979. Em 1980 Lula é condenado por três anos pela Greve que liderou em São Bernardo e em 1981 ele e seus companheiros fundam o PT que se compõem de todas as tendências políticas, comunistas, trotzquistas, católicas. Depois de sua consolidação na década de 80 para 90 foram expulsos, inclusive vários militantes, que ajudaram na tese de lançar um Operário para a presidência da República. Nada novo para o ex-torneiro mecânico, tintureiro, um brasileiro igualzinho a você, que já tinha se lançado na "aventura" de ser governador do Estado de São Paulo. Acabava a aura, a trajetória do líder sindical e entrava o político, analfabeto, ignorante mais viajado do Brasil e que a esquerda internacional incensava como grande líder que iria mudar o Brasil com a derrubada da Ditadura Militar. Enfim ele derrubou a ditadura e o povo brasileiro junto quando fez vista grossa e começou a participar do Mensalão e depois da corrupção das Construtoras.

Na minha opinião, a máscara de Luís Inácio Lula da Silva, caiu, e a de seus amigos com toda a amargura que essa certeza nos traz, também. Quem anda com pato, fatalmente, se não for pato, uma hora terá que entrar na lagoa e a conclusão, é das mais terríveis, vai morrer afogado.
Mesmo assim, não prenderia Lula, prenderia seus amigos. Todos que estão com processos, fecharia o Partido dos Trabalhadores, como exemplo, para que outros aventureiros não se encham de planos, sonhos mirabolantes e os vendam para os inocentes que acreditam que o mundo ainda pode se tornar um lugar melhor e que as gerações futuras possam receber o bastão e melhorar, mudar e que o homem dado a sua inteligência, ele pode aprender sempre com as lições e partir para conquistas superiores a paixão, ao desejo, a cobiça e ao egoísmo, que está provado na literatura, hoje na política, que nunca liberta o homem e sim o algema, escraviza mais e mais ainda.

Marcelo dos Santos - MTb 16,539 SP/SP

Jornal de Saúde informa

Cuba abandona programa Mais Médicos. 11 mil Profissionais devem ir embora

Jornal de Saúde informa sobre saúde e outras notícias Atualização diária  ⋅   16 de novembro de 2018 NOTÍCIAS Cuba abandona programa ...

Jornal de Saúde