sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Carmen Migueles diz ser contra uso de arma de fogo pela Guarda Municipal do Rio, o cidadão precisa de polícia "amiga" e não militarizada


jornal de saude
Atualização assim que ocorre 10 de setembro de 2016


NOTÍCIAS

Carmen Migueles diz ser contra uso de arma de fogo pela Guarda Municipal do Rio
A candidata falou sobre escolas em tempo intgeral, segurança pública e saúde. A bancada de entrevistadores é formada pelas jornalistas Carla ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Rogério Batista destaca suas propostas de governo
As propostas contidas em seu plano de governo giram em torno, principalmente, de quatro setores: Educação, Saúde, Segurança Pública e Geração ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Hospitais de Aleppo são atacados desde julho, diz MSF
Todas as instalações de saúde de Aleppo foram afetadas. Fazemos tudo o que podemos e utilizamos os meios que temos para oferecer atendimento ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante

Saiba seus Direitos e obrigações de consumidor quando assinar contrato com banco, comprar em lojas



4 direitos que o consumidor pensa ter mas no tem
Uma das máximas mais difundidas no mundo dos negócios diz que o cliente sempre tem razão, mas quando o assunto é a relação de consumo, isso nem sempre é verdadeiro.
Veja também:
Nove tarifas que os bancos não podem cobrar
Ainda que tenham razão em grande parte das queixas, a balança pode pender para o fornecedor em alguns casos. Antes de gastar energia e dinheiro buscando direitos que não tem, o melhor a fazer é se informar sobre o que pode e o que não pode no conflituoso mundo do consumo.
Sabendo disso, conheça agora 4 direitos que os consumidores pensam ter, mas não possuem:

1. Troca de produtos

A troca de produtos não vale para qualquer situação. Por isso, se vai presentear alguém, é sempre bom negociar com o lojista para garantir a troca caso a cor não agrade ou o tamanho seja inadequado.
A substituição do produto somente é compulsória (obrigatória) pelo fornecedor na hipótese de ocorrência de algum vício que torne impróprio o produto, o que é bem diferente da insatisfação com a cor, modelo, tamanho, forma, etc. Nesse sentido estabelece o artigo 18 do CDC que:
"Os fornecedores de produtos de consumo duráveis ou não duráveis respondem solidariamente pelos vícios de qualidade ou quantidade que os tornem impróprios ou inadequados ao consumo a que se destinam ou lhes diminuam o valor, assim como por aqueles decorrentes da disparidade, com a indicações constantes do recipiente, da embalagem, rotulagem ou mensagem publicitária, respeitadas as variações decorrentes de sua natureza, podendo o consumidor exigir a substituição das partes viciadas."

2. A troca não é imediata em caso de defeito

Depois que o produto saiu da loja, em caso de defeito, o Código de Defesa do Consumidor estabelece prazo de 30 dias para reparo. Contudo, desobedecido esse prazo, pode o consumidor exigir a substituição do produto por outro da mesma espécie, a restituição imediata da quantia paga (monetariamente atualizada), ou o abatimento proporcional do preço (CDC, art. 18, §º, incisos I, II e III):
"Não sendo o vício sanado no prazo máximo de trinta dias, pode o consumidor exigir, alternativamente e à sua escolha:
I - a substituição do produto por outro da mesma espécie, em perfeitas condições de uso;
II - a restituição imediata da quantia paga, monetariamente atualizada, sem prejuízo de eventuais perdas e danos;
III - o abatimento proporcional do preço."

3. Prazo de arrependimento

O prazo de arrependimento da compra, de sete dias, não vale em qualquer situação. Só é válido para compra feita fora do estabelecimento, ou seja, pela internet, a domicílio ou pelo telefone, quando não é possível ver o produto de perto.
De fato, o consumidor tem sim o direito de se arrepender, no prazo de 7 (sete) dias, contudo, aludido direito, somente é aplicável quando a aquisição do produto ou serviço ocorrer fora do estabelecimento comercial, ou seja, por telefone, internet, etc. Conforme consta no artigo 49 do Código de Defesa do Consumidor:
"O consumidor pode desistir do contrato, no prazo de 7 dias a contar de sua assinatura ou do ato de recebimento do produto ou serviço, sempre que a contratação de fornecimento de produtos e serviços ocorrer fora do estabelecimento comercial, especialmente por telefone ou a domicílio."

4. Devolução em dobro

Assim como falamos aqui algum tempo atrás sobre esse assunto. De acordo com o artigo 42, parágrafo único do CDC, a devolução em dobro quando há cobrança indevida não é em relação ao valor total pago, mas sim em relação à diferença paga a mais. Veja:
"O consumidor cobrado em quantia indevida tem direito à repetição do indébito, por valor igual ao dobro do que pagou em excesso, acrescido de correção monetária e juros legais, salvo hipótese de engano justificável."
Fique atento! Os mitos em torno do Código de Defesa do Consumidor são vários – e só atrapalham as relações entre comprador e fornecedor. Por isso, tenha consciência do que você realmente pode e não pode requerer antes, durante e após sua compra. É a melhor forma de evitar dores de cabeça futuras.
E você, conhece mais alguma "lenda" acerca dos direitos do consumidor?

Acesse nosso site para mais artigos ou deixe sua mensagem nos comentários logo abaixo e informe-se sobre seus direitos!

NE. do editor

Essa é interpretação bastante particular do Dr. a relação, principalmente, entre banco e clientes somam muitas dúvidas e as cobranças dos bancos são exageradas. Muitos clientes passam desapercebidos. Os bancos às vezes cobram em somente uma conta dois tipos de taxas e se o cliente não apontar paga a vida toda.

Tudo que relaciona cliente e banco é regido por contrato e este é monitorado pelo Banco Central que recebe reclamações de produtos ou cobranças indevidas que não estejam nesse contrato padrão. Nisso o dr. tem razão.

Sobre o valor em dobro a cobrança indevida com a colocação do nome no SPC, isso o sr. esqueceu é o que mais ocorre com o consumidor, dá-lhe direito segundo a Lei 9.099/95 de pedir Perdas e Danos Morais nos Juizados Especiais.
A devolução está prevista até sete dias da compra do produto é de praxe e implícito que o consumidor tenha esse direito desde que não tenha estragado o produto, o tal "vício de uso". Nos USA se aceita devolução de roupas noutro dia, não se cria caso. Aqui no Brasil, o comerciante é "mendigo" e seus gerentes preferem perder o cliente a trocar peças que descosturam, botões caem e cores esmaecem na primeira lavada como a Loja Mariana, rede de lojas que atua em BH/MG.

Nos eletrodomésticos há essa elasticidade de 30 dias como nos automóveis que é mais usado. Nos eletrodomésticos, quase sempre não funciona e além do mais há garantia do fornecedor. Então o cliente está a perder em uso do seu dinheiro e depois receber aparelho consertado, com peça trocada que não pode durar o mesmo tempo útil. O direito do consumidor é ter seu dinheiro de volta e a liberdade de levar outro ou escolher em loja concorrente. Cabe indenização ao consumidor lesado após os 30 dias onde o aparelho e nem o dinheiro foram assegurados ao cliente, no mesmo juizado e com Perdas e Danos Morais.

O pior desses Juizados, é que cada vez mais, os juízes(as) não aceitam mais o cidadão estar sem advogado e os tratam com reservas e até mesmo descortesia e tendem a demorar muito mais a resolver o problema, ninguém se por força dos advogados da parte, geralmente grandes empresas, ou até mesmo, um caixa dois de amizades, influências e benesses em contas bancárias e outros mimos e agrados.

Sua matéria é excelente e devia ser ensinada nas escolas. Todos deviam saber desde cedo seus direitos e obrigações. Assim os novos empresários saberiam como devem tratar seus clientes.

Resultado de exame de febre maculosa só sairá na segunda sobre menino que morreu


jornal de saude
Atualização assim que ocorre 10 de setembro de 2016


NOTÍCIAS

Senado se posiciona contra aborto para grávidas com zika
Atualmente, só é possível interromper a gravidez quando há estupro, risco de saúde à mãe ou anencefalia, ou seja, nos casos de fetos sem cérebro.
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Resultado de exame de febre maculosa só sairá na segunda
... as amostras laboratoriais do paciente foram encaminhadas para o Laboratório Central de Saúde Pública (LACEN), da Funed. Lá, as amostras irão ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Condutores do serviço de saúde receberam novos uniformes.
Na tarde de 8 de setembro, o prefeito Bimbo fez a entrega de novos uniformes aos 24 funcionários públicos que trabalham como motoristas da ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante

Frutajá vem com embalagem segura, dose pensada, o purê frutas que pode nutrir e liberar toxinas intestinais

Recebi um release e fiquei curioso para conhecer esse produto acima. A embalagem é interessante, segura e super prática e a campanha de Leve no Bolso é acompanhada dessa segurança.

Muito prático ter em mãos em qualquer lugar polpa de frutas como maçã e banana. Somente essa mistura é que impede o consumidor de tomar decisões. Mas, acredita-se que haja produtos específicos, há cliente que não gosta muito de banana e outro de maçã, raro, mas há organismos que são sucessíveis as vitaminas e sais mineiras. Mas, isso é outra conversa.

A principal mesmo é que o sabor desse purê de frutas que poderia sr comparada a uma barra de cereais, a embalagem com 90g de purê de frutas naturais, sem aditivos, conservante, aromatizantes, açúcar. Não contém glúten, muito raro em frutas, mas não podemos esquecer que o glúten advém do trigo.

Então, com todas essas qualidades. O Frutajá é corretamente dentro da política do controle das compulsões. Avisa que é calórico. Assim, a embalagem e a praticidade pode conter o impulso de consumir vários em pouco espaço de tempo.

Particularmente, o purê de frutas, em média de 30 m mexeu com o intestino grosso. Para as pessoas com dietas e com problemas de prisão de ventre, não são todos, o Frutajá poderia ser daqueles aliados excelentes.

Marcelo dos Santos - jornalista - MTb 126,539 SP/SP

Baracktrema obamai e Aptostichus angelinajolieae. Você leu e sentiu alguma semelhança, um é presidente da República a outra é uma linda atriz

Angelina Jolie das mais lindas e talentosas atrizes de Hollywood
Barack Obama o primeiro negro presidente dos USA e que fez "amizade" com Cuba
O presidente dos USA Barack Obama, ou o cidadão, e a atriz Angelina Jolie receberam nomes científicos dados por cientistas como homenagem e também para destacar suas pesquisas raras. Por exemplo, Angelina recebe a homenagem pela descoberta de aranha caranguejeira, aqui no Brasil, nada tão característico para designar a "mulher" ironizada até em música de Raul Seixas, no rock das Aranhas.

Já o velho, é ele entrou como outros presidentes, de cabelos pretos e vai sair depois de oito anos, de cabelos mais brancos. A homenagem a Barack Obma é de um novo verme, raro que acomete as tartarugas, certo helmínteo.


Leia mais
http://noticias.uol.com.br/meio-ambiente/ultimas-noticias/redacao/2016/09/09/nova-especie-de-verme-e-denominada-em-homenagem-a-obama.htm

Fique informado sobre sua saúde: Falta de remédios afeta pacientes do Hospital do Câncer em Uberlândia


jornal de saude
Atualização assim que ocorre 9 de setembro de 2016


NOTÍCIAS

Senado se posiciona contra aborto para grávidas com zika
Para a Advocacia do Senado Federal, o aborto não é "comprovadamente eficaz" no sentido de preservar psicologicamente a saúde da mãe.
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Falta de remédios afeta pacientes do Hospital do Câncer em Uberlândia
O fornecimento do medicamento é feito pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e pelo Hospital do Câncer. O remédio está em falta, é caro e também ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Pesquisa aponta que jovens não se preocupam com alimentação
Uma pesquisa em parceria com o Ministério da Saúde mostrou que as frutas não estão na lista dos 20 produtos mais consumidos por estudantes de ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Professores de Sumaré param após falha na Caixa bloquear salários
Saúde não para Um técnico em enfermagem do Samu da cidade confirmou à reportagem que também está com o salário de setembro atrasado.
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


No AP, mães de '1ª viagem' recebem orientação sobre cuidados com bebês
"O exame é o acompanhamento médico que toda gestante deve ter, a fim de manter a integridade das condições da saúde da mãe e do bebê.
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Justiça determina que hospital de RO contrate mais de 100 profissionais
A Subseção Judiciária de (RO), a 700 quilômetros de , determinou que o município contrate mais de 100 funcionários da saúde para atuar no ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Agentes de saúde fizeram 343.807 visitas domiciliares contra a dengue
A Secretaria da Saúde (SES), por meio da Divisão de Zoonoses, visitou 343.807 imóveis, de janeiro a agosto deste ano, em vários bairros de ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Fortaleza recebe evento sobre prevenção de brincadeiras perigosas
... reúne pais e responsáveis, profissionais das áreas de educação, segurança pública, do direito e de saúde e apresentará os modelos de prevenção ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Coordenador deve ser substituído após índios ocuparem Dsei em MT
O deputado disse que, mesmo a troca sendo aceita pelos indígenas, ainda é preciso passar pela análise da Secretaria Especial de Saúde Indígena ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante

Jornal de Saúde informa

Até quando juiz poderá passar por cima da Constituição do STF e soltar liminar que fere o Direito de expressão e a liberdade de imprensa?

Grande equívoco de juiz, ao proibir a Globo de noticias matérias do processo do Assassinato de Mariele Franco e Anderson Gomes. Não podemo...

Jornal de Saúde