quinta-feira, 30 de junho de 2016

Saúde notifica 757 casos de caxumba de janeiro a junho no DF




Jornal de Brasília (Assinatura)
Saúde notifica 757 casos de caxumba de janeiro a junho no DF
De janeiro a junho, a Secretaria de Saúde notificou 757 pessoas com os sintomas de caxumba — febre, inchaço das glândulas salivares, calafrios, ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante

Saúde e doenças e tratamentos atualizados no dia


Saúde e doenças e tratamentos atualizados no dia
FacebookAtualização diária 30 de junho de 2016

NOTÍCIAS


Saúde: refluxo requer tratamento e alimentação personalizada
“No dia seguinte, eu não conseguia me alimentar direito. ... a doença do refluxo devem seguir tratamento medicamentoso, prescrito por um médico, ...

População passa horas em fila de posto


jornal de saude
Atualização assim que ocorre 1 de julho de 2016

NOTÍCIAS


Jornal Notisul
População passa horas em fila de posto
Dezenas de pessoas passaram horas na fila para agendar uma consulta médica na Unidade Básica de Saúde do bairro Portinho, em Laguna.
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante

Biofortificação vence premiação considerada o Nobel de nutrição e agricultura

Biofortificação vence premiação considerada o Nobel de nutrição e agricultura
Cientistas premiados cooperam com o Brasil em ações de segurança nutricional
 
Howarth Bouis, líder do Harvest Plus, foi um dos vencedores do prêmio.
O Prêmio Mundial da Alimentação, equiparado como uma espécie de Nobel da área, laureou quatro cientistas por seus trabalhos com a biofortificação de cultivos agrícolas, em especial, a batata-doce rica em pró-vitamina A, produzida por mais de dois milhões de famílias na África. Os vencedores foram Howarth Bouis, diretor do HarvestPlus, um programa de pesquisas iniciado pelo Instituto Internacional de Pesquisa sobre Políticas Alimentares (IPRI, em inglês) e pelo Centro Internacional de Agricultura Tropical (CIAT, em espanhol); e os pesquisadores Maria Andrade, Robert Mwanga e Jan Low, todos os três do Centro Internacional da Batata (CIP, em inglês), que também faz parte dessa aliança de instituições inseridas no programa HarvestPlus.
 
O Brasil vem recebendo apoio financeiro do HarvestPlus no desenvolvimento das ações de biofortificação feitas pelo país. O programa de biofortificação brasileiro (Rede BioFORT) é coordenado pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), tendo como principal objetivo o fortalecimento da segurança nutricional em regiões e comunidades mais necessitadas do país. Por meio de melhoramento convencional, cultivares de arroz, feijão, batata-doce, mandioca, milho, feijão-caupi, abóbora e trigo são selecionadas e cruzadas, sem a adesão de técnicas transgênicas, para a geração de variedades contendo maiores teores de pró-vitamina A, ferro e zinco, combatendo assim a deficiência de micronutrientes no organismo humano, a popular fome oculta, que dentre as doenças provocadas, estão a anemia e a cegueira noturna.
 
A pesquisadora da Embrapa Agroindústria de Alimentos e líder da Rede BioFORT, Marília Nutti, acredita que a vitória dos colegas que trabalham com biofortificação reforça a Marília Nuttiimportância desses projetos e aumenta a responsabilidade para com o cenário global, onde uma a cada três pessoas sofrem por causa da carência de vitaminas e minerais. “Sem dúvida, esse prêmio é um reconhecimento para a biofortificação. No Brasil, esperamos continuar ampliando o trabalho que já está presente no Distrito Federal e nos estados do Pará, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Piauí, Maranhão, Bahia, Sergipe, Pernambuco. No Piauí, as atividades foram muito bem sucedidas com parcerias envolvendo escolas agrícolas, e no Maranhão, a biofortificação foi alçada como política pública de governo, por conta do rápido aumento de demanda que ocorreu entre os agricultores da Região dos Cocais. O programa de biofortificação brasileiro beneficiou nos dois estados, até agora, mais de 11.000 produtores rurais.” Conclui a pesquisadora.
A premiação foi criada pelo principal idealizador da Revolução Verde e, também, ganhador do Nobel da Paz, Norman Borlaug, que procurou com isso reconhecer o trabalho daqueles que contribuem para a segurança alimentar no mundo. O prêmio será entregue no dia 13 de Outubro, na capital do estado norte-americano de Iowa, Des Moines, durante o Simpósio Internacional “Borlaug Dialogue”. Os vencedores compartilharão entre si a quantia de 250.000 dólares.
Dentre os ganhadores do prêmio em edições passadas, estão os brasileiros Edson Lobato, Alysson Paulinelli e o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, que recebeu a honraria em 2011.

Transmissão de dengue em 2016 tem comportamento diferente de anos anteriores


jornal de saude
Atualização assim que ocorre 30 de junho de 2016

NOTÍCIAS


A Bola
Transmissão de dengue em 2016 tem comportamento diferente de anos anteriores
Segundo o Ministério da Saúde, normalmente a maior incidência da dengue ocorre em abril ou maio e a redução dos casos é percebida a partir de ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante

Butantan cria grupo para estudar doenças como dengue e zika


jornal de saude
Atualização assim que ocorre 30 de junho de 2016

NOTÍCIAS


O Tempo
Butantan cria grupo para estudar doenças como dengue e zika
O Instituto Butantan, ligado à Secretaria da Saúde de São Paulo, que realiza pesquisas biomédicas, anunciou a criação do Grupo de Ação Rápida ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Jornal da Paraíba (liberação de imprensa) (Assinatura) (Blogue)
Trabalhos encurtam acesso da população à saúde e problemas com a Energisa.
A prática “Justiça & Saúde” e o Programa Proendividados, ambos idealizados pelo juiz da 4ª Vara da Fazenda Pública de João Pessoa, Antônio ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante

Zika vírus pode estar vinculado a mais problemas oculares em bebês com microcefalia




Oftalmologistas encontraram evidências de hemorragia na retina, desenvolvimento de vasos sanguíneos anormais e lesões em crianças nascidas de mães que apresentaram sinais de infecção viral durante a gravidez


Pesquisadores que estudam os bebês com defeitos de nascença relacionados com o vírus Zika dizem ter encontrado problemas oculares anteriormente não declarados possivelmente ligados ao vírus que podem resultar em deficiência visual grave. Em três crianças brasileiras com microcefalia, os pesquisadores observaram lesões na retina, hemorragia e desenvolvimento anormal dos vasos sanguíneos não observados antes em relação ao vírus. Os resultados foram publicados on-line na Ophthalmology, revista da Academia Americana de Oftalmologia.

O vírus Zika é conhecido por causar microcefalia, um defeito de nascença marcado por um menor diâmetro da cabeça e do cérebro. No Brasil, o local do surto mais grave, quase 1,5 milhões de pessoas supostamente têm o vírus. Cerca de 4.000 crianças recentemente nasceram com microcefalia, de acordo com os informes oficiais. Como resultado, a Organização Mundial de Saúde declarou a situação uma emergência de saúde pública, em fevereiro, trazendo à tona a urgência e a necessidade de mais pesquisas.

“Um estudo prévio com 29 bebês brasileiros com infecção congênita causada pelo Zika mostrou que um terço tinha problemas de visão: lesões oculares, anormalidades do nervo óptico e atrofia coriorretiniana, um definhamento da retina e da coroide, responsável por fornecer oxigênio e nutrientes para a retina”, afirma o oftalmologista Virgílio Centurion (CRM-SP 13.454), diretor do IMO, Instituto de Moléstias Oculares.

Para este estudo de caso, os pesquisadores brasileiros e da Universidade de Stanford examinaram os olhos de três meninos nascidos, no Brasil, no final de 2015, com microcefalia. Todos tinham mães com suspeita de infecção por vírus Zika durante o primeiro trimestre da gravidez. Entre as conclusões, os pesquisadores identificaram vários tipos de problemas oculares não previamente observados em relação ao vírus Zika, alguns dos quais podem causar deficiência visual grave se não tratada. Dentre esses problemas, destacam-se:
·        Retinopatia hemorrágica ou hemorragias na retina, a camada sensível à luz que reveste a parte posterior do olho;
·        Vasculatura anormal na retina, incluindo sinais de falta de vasos sanguíneos na retina, onde as células podem ter morrido;
·        Maculopatia torpedo, identificada por lesões em forma de torpedo na mácula, a parte central da retina. Embora as lesões da retina tenham sido observadas em trabalhos anteriores sobre achados oculares relacionadas com o Zika, os autores observam que esse tipo de lesão não foi observada em casos de microcefalia.

“Além dessas observações, os lactentes neste estudo também exibiram outros sintomas oculares observados no estudo prévio.  Especificamente, todos os três bebês neste estudo de caso mostraram sinais de maculopatia pigmentada, lesões que aparecem como manchas de pigmento na mácula. Quatro olhos apresentaram sintomas de atrofia coriorretiniana marcada por um anel pigmentado”, afirma a neuro-oftalmologista do IMO,  Márcia Lucia Marques (CRM-SP 110.583).

O estudo é pequeno, com dados de observação limitados. No entanto, os resultados adicionam corpo a um crescente número de informações clínicas sobre como o vírus Zika pode afetar o desenvolvimento do olho infantil e a visão. Os autores notaram que ainda não está claro se a infecção viral em si provoca anomalias oculares ou se elas são uma consequência da microcefalia induzida pelo Zika.

“Os problemas oculares encontrados, agora, não foram associados com o vírus Zika antes. O próximo passo é diferenciar os resultados relacionados com o próprio vírus Zika contra os resultados causados pela microcefalia, de forma a compreender melhor quais as crianças precisam ser rastreadas para essas novas moléstias”, diz Márcia Lucia Marques.

Neste momento, os autores estão chamando todos os bebês com microcefalia em áreas atingidas pelo Zika para serem examinados por um oftalmologista. Essa atitude segue a recomendação recente dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças.

“Os profissionais de saúde em regiões endêmicas para a infecção pelo Zika são aconselhados a submeter todos os recém-nascidos com microcefalia a exames de retina. O processo pode contribuir significativamente para a nossa compreensão sobre a infecção e para a qualidade de vida dessas crianças”, afirma a neuro-oftalmo.
 

MP recorre de decisão Judicial que desobriga repasses para Saúde


jornal de saude
Atualização assim que ocorre 30 de junho de 2016

NOTÍCIAS

MP recorre de decisão Judicial que desobriga repasses para Saúde
RIO — O Ministério Público anunciou nesta quinta-feira (30) que vai insistir em uma ação para garantir repasses de 12% para a Saúde Estadual.
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Jornal O Globo
Adolescente israelense é morta a facadas em seu quarto por palestino
Segundo o Ministério da Saúde palestino, o homem que matou a adolescente foi identificado como Mohammed Tarayreh, de 19 anos. Originário de ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


JC Online
Mais de 1,2 milhão de pessoas foram agredidas no trabalho
O dado é da Pesquisa Nacional de Saúde, levantamento do IBGE em parceria com o Ministério da Saúde. No quarto suplemento da pesquisa, ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante

Como mudanças bruscas de temperatura afetam a saúde


jornal de saude
Atualização assim que ocorre 30 de junho de 2016

NOTÍCIAS


Correio do Brasil
Como mudanças bruscas de temperatura afetam a saúde
Depois de um início de inverno marcado por temperaturas baixas nas regiões Sul e Sudeste do Brasil, as máximas voltaram a subir, chegando a ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


JC Online
Microcefalia: Licença-maternidade estendida é conquista limitada
Quando a licença-maternidade acabou, Rafaela pediu demissão. Ela não conseguiu conciliar trabalho e cuidados a Luiz Felipe. Ricardo B.
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


O Progresso - Dourados
MP abre contas do HU e não descarta intervenção
Enquanto o Hospital Universitário alega subfinanciamento da Saúde, ou seja, os repasses destinados não suprem a demanda de atendimentos, ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante


Jornal de Brasília (Assinatura)
Saúde notifica 18.849 moradores de Brasília com suspeita de dengue
A Secretaria de Saúde do DF notificou, desde o início do ano, 18.849 moradores de Brasília com suspeita de dengue (doença transmitida pelo ...
Google Plus Facebook Twitter Sinalizar como irrelevante

Jornal de Saúde informa

Cuba abandona programa Mais Médicos. 11 mil Profissionais devem ir embora

Jornal de Saúde informa sobre saúde e outras notícias Atualização diária  ⋅   16 de novembro de 2018 NOTÍCIAS Cuba abandona programa ...

Jornal de Saúde